BlogTecnologia e Educação

Como levar tecnologias educacionais para sala de aula

Utilizar novos métodos de ensino é fundamental para uma diversidade maior nos processos de aprendizagem. Com o desenvolvimento das tecnologias educacionais, cada vez mais vemos as ferramentas digitais no dia a dia escolar.

Usufruir de novas práticas pedagógicas e do mundo digital para enriquecer a aprendizagem é primordial para aproximar os estudantes do conhecimento.

Diante disso, o engajamento acaba tornando-se muito maior pelo interesse genuíno das crianças e adolescentes quanto às tecnologias educacionais. Isso ocorre também pela familiaridade que essas gerações já possuem com os aparelhos e plataformas digitais.

Pensando nisso, nós trouxemos algumas dicas práticas de como implementar tecnologias educacionais em sala de aula. Saiba como inovar nas estratégias pedagógicas e aprenda o passo a passo para fortalecer a cultura digital nas escolas.

O que são tecnologias educacionais?

A tecnologia educacional é a integração de métodos pedagógicos com recursos digitais para acelerar ou complementar o processo de ensino dos alunos. Ela pode ser utilizada dentro ou fora da sala de aula, um exemplo são as aplicações de exercícios em plataformas online.

Seu principal objetivo é gerar novos estímulos e competências nas práticas de aprendizagem, fortalecendo o desenvolvimento dos estudantes. O uso de tecnologias educacionais tem se expandido e gerando discussões no meio acadêmico e na mídia.

Apesar de reconhecerem os benefícios, muitas instituições ainda precisam lidar com os desafios dessa implementação, como o próprio acesso à tecnologia, tanto por parte das escolas, como por parte dos estudantes. Entretanto, é importante reforçar que tecnologias educacionais não se prendem somente aos aparelhos utilizados, mas principalmente às práticas, estratégias e didáticas dos educadores.

Os benefícios das tecnologias educacionais

Utilizar ferramentas digitais educacionais possibilitam que as aulas sejam adaptadas para o nível de cada aluno.

O crescimento constante do uso de ferramentas digitais no processo da educação se dá muito pela aproximação dos estudantes com celulares, computadores e tablets. Por já terem um interesse genuíno e conhecimento sobre esses aparelhos, aprender dessa forma é mais simples, divertida e aceita pelos jovens.

Além disso, existem outros benefícios em buscar cada vez mais novas tecnologias educacionais para as aulas. Criam-se estímulos que não haviam antes nos formatos tradicionais, otimizando o processo de aprendizagem de diversas áreas do conhecimento e em todos níveis.

Ao utilizarem seus próprios celulares, por exemplo, os estudantes deixam de ser apenas ouvintes e passam a ser agentes ativos, cada vez mais presentes no próprio desenvolvimento educacional. Esse tipo de metodologia pode ser utilizada na rotina em sala de aula ou como aliadas de reforço escolar, através de ensinos híbridos, aulas invertidas e outros métodos.

Ainda, elas também proporcionam uma rotina mais lúdica e dinâmica ao tratar de assuntos mais teóricos. Elas melhoram não só o engajamento para com as aulas, mas consequentemente, fortalecem seu desempenho escolar com o aumento do aproveitamento das aulas e uma facilidade maior de acesso às informações.

Conscientize a instituição

Para incluir as tecnologias educacionais em uma instituição, é necessário planejamento e discussões, com todos os gestores, responsáveis e professores, para que os projetos sejam implantados de maneira mais organizada e benéfica tanto para os professores quanto para os alunos.

Reúna os profissionais para alinhar a cultura digital que está sendo construída. Explique as motivações, as vantagens e realize workshops para ensinar todos os professores a utilizarem a plataforma escolhida, por exemplo. Esse alinhamento também precisa ser feito com os alunos para que compreendam o processo de mudança.

Analise a situação atual da instituição e das salas de aula

A infraestrutura escolar é essencial no momento de implementar novas metodologias ou recursos.

Esse passo é importante para conseguir definir efetivamente os objetivos ligados à implementação de tecnologias educacionais. Junto com colegas de profissão, observem e façam uma leitura de como está o cenário atual da instituição.

Além disso, é preciso conversar com outros departamentos para compreender quais são os valores que podem ser utilizados no investimento e se a estrutura da sala ou dos alunos possibilita trazer ferramentas em busca da transformação digital.

Lembre-se sempre de considerar o cenário externo também, como as demandas e os contextos sociais e culturais que a escola está inserida.

Defina principais objetivos da transformação digital

Quando o projeto começa a ser desenvolvido, ele precisa ter uma meta que explique os principais motivos dele estar se tornando parte das metodologias pedagógicas de uma instituição. Então, antes de definir quais serão os novos recursos, responda algumas perguntas junto com seus colegas:

1. Quais são os objetivos que queremos alcançar com a implementação de tecnologias educacionais?
2. Quais são as possibilidades tecnológicas considerando a nossa realidade?
3. O que queremos melhorar com os novos recursos tecnológicos?
4. Baseado na missão principal da escola, quais tecnologias poderiam otimizar e facilitar o alcance das metas gerais? Quais resultados queremos obter com o uso delas?

Ao respondê-las, é possível listar melhor os recursos a serem instalados em sua escola. Defina o que a instituição está buscando e encontre os meios tecnológicos que mais podem ajudar no alcance da missão e visão da instituição.

Realize avaliações periódicas do sistema escolhido

Depois de algum tempo implementada, é importante realizar avaliações para entender se os novos métodos pedagógicos estão sendo efetivos.

Observe as metas que foram determinadas no início do projeto e analise se os recursos estão ajudando nesse alcance. Este passo é imprescindível para realizar mudanças nas estratégias, caso necessário, ou até mesmo compreender que a instituição está no caminho correto.

Para ajudá-los, defina quais serão os indicadores e como vocês vão mensurar que o projeto está dando certo. Ou seja, como será possível medir o sucesso da implementação e do uso das tecnologias educacionais escolhidas? E, se algo não está indo como planejado, o que pode ser feito para mudar isso?

Busque por uma plataforma com recursos completos

Ambientes virtuais possibilitam que os professores acompanhem o desenvolvimento individual de cada estudante enquanto oferecem aulas personalizadas.

Para um projeto tão importante quanto este, a qualidade do material escolhido é essencial. É necessário realizar uma pesquisa minuciosa para encontrar uma tecnologia educacional completa e que dialogue com as metas estabelecidas e com as propostas principais da instituição.

Fique por dentro das tendências e inovações educacionais aqui no blog da ITExperts!

Originalmente publicado em: https://blog.khanacademy.org/pt-br/como-levar-tecnologias-educacionais-para-sala-de-aula/

Conheça ITExperts e nossas soluções em cloud para Educação.

Solução em infraestrutura educacional.

Mantenha-se atualizado

Leia também

BlogNoticias

A COMPUTAÇÃO EM NUVEM JÁ FAZ PARTE DO SEU DIA A DIA

Quero saber mais
BlogTecnologia e Educação

Escola na nuvem para professores

Quero saber mais
BlogNoticias

Novo mecanismo generativo AWS

Quero saber mais
Abra o chat
Olá, gostaria de um atendimento?
Olá! No que podemos te ajudar?